Missionários plantam igreja debaixo de árvore na Amazônia
18/02/2020 21:30 em Mundo Cristão

“Mesmo sem ter o templo, com a simplicidade da igreja primitiva, temos nos reunido para cultuar e clamar ao Senhor”, testemunha missionária.

Um casal de missionários está realizando cultos debaixo de uma árvore no bairro Portelinha, em Tonantins (AM), sendo os primeiros cultos da Igreja Batista Missionária que começou seus trabalhos em janeiro deste ano.

Ednardo Neves e Gabriela Muzy estão há dez meses trabalhando na região através do Relacionamento Discipulador e dos Pequenos Grupos Multiplicadores, programas que contam com o apoio da Junta de Missões Nacionais.

“Mesmo sem ter o templo, com a simplicidade da igreja primitiva, temos nos reunido para cultuar e clamar ao Senhor. Debaixo de uma árvore a igreja está crescendo, firmada na Palavra de Deus”, contou a missionária Gabriela.

No início de fevereiro os missionários viveram um grande milagre, quando juntaram os irmãos da igreja, vizinhos e voluntários para realizar um mutirão e começar a construção do alicerce do templo que será erguido no bairro.

“Têm sido momentos de comunhão e muita oração, temos visto o agir de Deus, o envolvimento de pessoas em Sua Obra. Louvamos ao Senhor pela vida de cada um que tem participado, seja na mão de obra, oferta ou oração”, celebrou ela.

Na Amazônia a evangelização dos povos ribeirinhos acontece por meio de três programas da Junta de Missões Nacionais: o barco “O Missionário” – que conduz caravanas de igrejas pelas comunidades -; dos Radicais Amazônia, líderes treinados e capacitados no Centro de Formação Missionária da Amazônia; e o Programa Novo Sorriso da Amazônia, que tem como objetivo erradicar a cárie nas comunidades com missionários presentes.

Créditos Gospel Prime 

 

COMENTÁRIOS