Rabinos dizem que aproximação com cristãos e EUA abre o caminho para o Terceiro Templo
08/08/2019 21:52 em Evangelho

A aproximação com os cristãos e o apoio do governo americano podem abrir o caminho para a construção do Terceiro Templo em Jerusalém, segundo rabinos.

Rabinos israelenses acreditam que a aliança entre os Estados Unidos e Israel, além da aproximação com os cristãos, podem ser um prelúdio para a construção do Terceiro Templo

A expectativa em relação ao presidente Donald Trump foi expressa pela primeira vez pelo Sinédrio depois de sua eleição, quando o compararam ao rei persa Ciro, que facilitou a construção do Segundo Templo em Jerusalém.

O rabino Hillel Weiss, porta-voz do Sinédrio, acredita que a construção do Terceiro Templo pode impactar o mundo todo. “Os judeus farão a construção efetiva do Terceiro Templo, mas para que o Terceiro Templo seja uma Casa de Oração para todas as nações, as nações devem ter uma parte em sua criação”, disse ao site Breaking Israel News. 

Weiss observa que o conceito de “cooperação internacional” é baseado no pacto universal que Deus fez com Noé. “Assim como a aliança que Deus fez com os judeus, essa aliança é eterna”, disse o rabino. “Assim como o pacto com Abraão teve ramificações para o bem-estar dos judeus, o pacto com as nações também tem ramificações com o mundo real”.

O rabino Yoel Schwartz, chefe do Tribunal de Noé do Sinédrio, enfatizou que as nações do mundo têm um papel profético na construção do Templo. Ele baseia sua opinião em Cânticos 2:7, que diz: “Mulheres de Jerusalém, eu as faço jurar pelas gazelas e pelas corças do campo: não despertem nem provoquem o amor enquanto ele não o quiser”.

“O Midrash (estudo rabínico da Torá) ensina que os não-judeus são as ‘mulheres de Jerusalém’ que fizeram um juramento de iniciar a construção do Terceiro Templo e, depois que começarem, nós nos uniremos ao esforço deles”, afirmou o rabino Schwartz. “Trump está certamente se movendo nessa direção”.

Relação com o cristianismo

Outro rabino que acredita que o presidente dos EUA irá desempenhar um papel importante na construção do Terceiro Templo é Yosef Berger, rabino do Túmulo do Rei Davi, em Jerusalém. Berger enfatizou que é essencial que Trump, como cristão, assuma um papel na construção. 

Berger citou o rabino Bahya ben Asher ibn Halawa, um comentarista bíblico espanhol do século 13, que escreveu que “o Primeiro e o Segundo Templos foram construídos pelos descendentes do rei Davi, mas no futuro, o terceiro templo será construído por descendentes de Edom”.

O rabino observou que essas fontes afirmam explicitamente que o Terceiro Templo seria construído pelos descendentes de Roma, ou seja, o cristianismo. “Roma destruiu o Segundo Templo, então os descendentes de Roma, os cristãos, vão reparar isso participando da construção do Terceiro Templo”.

No entanto, Berger destaca que Trump poderá abrir o caminho para o Terceiro Templo, e não necessariamente dar um início efetivo à construção. “Como Ciro, ele pavimentará o caminho para os homens que começarão a construção e, quando chegar a hora certa, o Terceiro Templo descerá do céu”.

“Nenhum líder na história reconheceu Jerusalém como a capital dos judeus e de Israel”, ressaltou. “Ele já criou uma grande reparação para os cristãos através de seu relacionamento sem precedentes com Jerusalém. Trump é o representante de Edom que realizará a reparação histórica final para toda a sua nação”, opina.

Portal Guiame

COMENTÁRIOS