Arqueólogos escavam a antiga Siló: “A Bíblia não é mitologia”
18/07/2018 09:22 em Mundo Cristão

"Estamos lidando com pessoas reais, lugares reais, eventos reais", afirma doutor, mostrando os achados.

Geograficamente no coração do Israel bíblico, Siló – que hoje é um sítio arqueológico – foi a capital do país durante cerca de 300 anos. O motivo de sua importância para a história do país é que este é o lugar onde Josué distribuiu a Terra Prometida para as 12 tribos de Israel. E onde o Tabernáculo permaneceu, fazendo com seja considerada “solo sagrado”.

O Dr. Scott Stripling, arqueólogo que lidera as escavações arqueológicas em Siló, explica que: “Esta foi a primeira capital do antigo Israel. É um local sagrado porque o Mishkan [Tabernáculo] estava aqui, para onde as pessoas vinham esperando se conectar com Deus”.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!