Menina em coma volta a caminhar após ter sido diagnosticada com 99% do cérebro morto
04/06/2018 09:34 em Evangelho

Mackinlee Anderson agora é conhecida como 'a garota milagrosa' por ter superado a extensa lesão cerebral.

 

Uma menina australiana que, segundo os médicos, estava quase que completamente morta há oito meses, desafiou as probabilidades andando de novo por conta própria. Ela é agora conhecida como "a garota milagrosa".

Em setembro do ano passado, Mackinlee Anderson, de seis anos, se envolveu em um grave acidente de carro que deixou sua avó morta, além de sua mãe e seu irmão que ficaram feridos. O acidente, que aconteceu em Port Macquarie, envolveu três carros, um veículo utilitário e um caminhão.

Mackinlee sofreu várias lesões, incluindo uma na pélvis, que ficou quebrada em três locais, um fêmur quebrado, uma bexiga rompida, um quadril deslocado, paralisia no lado esquerdo e, o mais grave de todos, extensa lesão cerebral.

Segundo a página de arrecadação de fundos on-line de Mackinlee, um neurocirurgião declarou que a criança tinha 99,8% de morte cerebral e disse à mãe, Kylee Anderson, que não havia muita esperança para a filha.

Os ferimentos da garota exigiram que ela fosse colocada em suporte de vida e passasse por uma extensa cirurgia de 13 horas. A criança passou 15 dias na unidade de terapia intensiva.

Embora a maioria das pessoas diagnosticadas com uma lesão cerebral tão grave morra e nunca seja capaz de falar, a jovem não se tornou mais uma estatística. Pouco a pouco, ela continuou a progredir.

Embora Mackinlee só conseguisse se comunicar no início piscando os olhos, ela finalmente recuperou suas habilidades de falar no 33º dia no hospital. Também no 33º dia, ela foi capaz de mover as pernas e começar a aprender a andar novamente.

Uma atualização postada na página GoFundMe de Mackinlee há duas semanas explica que ela andou de novo sozinha após a remoção de um gesso do pé. Na semana passada, Kylee Anderson postou um vídeo no Facebook mostrando sua filha caminhando novamente. O vídeo mostra a criança andando por um corredor dizendo que "andar é o melhor".

"É incrível, ainda estamos em choque", disse Anderson ao 9News. A mãe admitiu que há alguns meses, ela nunca pensou que veria a filha andar sozinha de novo tão rapidamente.

"Mackinlee me surpreende todos os dias com sua determinação. Todos os dias os médicos dizem que ela não pode fazer algo e no dia seguinte ela pode fazer", disse a mãe. "E ela anda por toda parte agora, ao redor da casa, em todos os lugares. Você simplesmente não pode mantê-la parada", salientou.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!